Orientações médicas sobre atividades físicas para pacientes de fibromialgia

Orientações médicas sobre atividades físicas para pacientes de fibromialgia

Saiba como os exercícios físicos podem minimizar a dor relacionada à fibromialgia

A fibromialgia é uma doença que afeta diretamente a qualidade de vida dos pacientes, por isso, a orientação do profissional de saúde é fundamental para minimizar a dor. Neste contexto, os exercícios físicos podem contribuir para redução dos efeitos da patologia.1

A fibromialgia é uma síndrome clínica que se manifesta, principalmente, pela dor no corpo todo, em especial na musculatura. Com a dor, outros sintomas podem aparecer, como fadiga, sono não reparador (o paciente acorda cansado), alterações de memória e atenção, ansiedade, distúrbios de humor, depressão e alterações intestinais.1

Outra característica marcante da patologia é a grande sensibilidade ao toque e à compressão da musculatura.1

Todos esses sintomas comprometem a qualidade de vida dos pacientes, sendo necessária uma abordagem integrada e multidisciplinar. Assim, estudos demonstram que, aliado ao tratamento, os exercícios físicos parecem ser eficazes, proporcionando alívio da dor e de outros sintomas.1

O que dizem as Sociedades Médicas?

Segunda a European League Against Rheumatism (EULAR), em uma meta-análise, para todo tratamento de fibromialgia deve ser recomendado algum tipo de exercício físico.1

Já as revisões Cochrane avaliaram os efeitos de exercícios aeróbicos, de resistência e treinamento de exercícios mistos para adultos com fibromialgia. Conforme o estudo, as atividades aeróbicas melhoram a qualidade de vida, a função física e reduzem a dor do paciente. Neste estudo, houve baixa evidência de que as atividades físicas melhoram a função multidimensional - dor, sensibilidade e força muscular em mulheres com fibromialgia.1

Outra recente revisão sistemática relatou que o exercício combinado fornece grande redução na dor com evidência moderada, enquanto uma revisão Cochrane posterior concluiu que o exercício misto teve efeitos incertos.1

Apesar dos resultados atuais, ainda é incerto qual o melhor tipo de exercício físico - alongamento, resistência ou aeróbico - ou se a combinação deles podem ser suficientes para minimizar a dor.1

Outra discussão está relacionada à intensidade, duração e frequência das atividades físicas para redução da dor de pacientes com fibromialgia.1

Um estudo complementar…

Kolak, Ardıç e Fındıkoğlu avaliaram os efeitos de três tipos de programas de exercícios para dor, sintomas, qualidade de vida, depressão e composição corporal em mulheres com fibromialgia, com objetivo de mensurar qual método é mais o eficaz.1

Grupo de estudo

O estudo prospectivo, randomizado, de três braços, de centro único, foi realizado entre junho de 2019 e dezembro de 2019. Pacientes do sexo feminino entre 18 e 65 anos diagnosticadas com fibromialgia, conforme os Critérios Preliminares para o Diagnóstico de Fibromialgia (ACR) 2016, foram selecionadas para a análise.1 De 54 pacientes que iniciaram o treinamento físico, foram analisados os dados de 41 pacientes, com idade média entre 24 e 62 anos. O detalhamento do método e da análise podem ser consultadas aqui!1

Resultados

Os grupos supervisionados que praticaram exercícios aeróbicos e de resistência combinados com alongamento tiveram maiores reduções na dor e na gravidade da fibromialgia, em comparação com o grupo que realizou alongamento domiciliar sem supervisão.1

Embora tenha havido uma redução significativa da dor nos grupos de exercícios de alongamento e resistência, não houve diferença significativa com o grupo controle. O efeito dos exercícios de resistência combinado com o alongamento foi mais eficaz do que apenas exercícios de alongamento.1

Os resultados do estudo indicam que 12 semanas de treinamento físico reduzem a dor e melhoram o impacto da fibromialgia. Além disso, o fortalecimento aeróbico/muscular supervisionado, combinado com exercícios de alongamento, reduz a dor e a gravidade da síndrome mais do que apenas um exercício de alongamento em casa.1

Confira outros conteúdos médicos no portal Viatris Connect e contemple as principais atualizações da Medicina na sua prática clínica. Acesse para saber mais sobre diversas áreas terapêuticas!

FAQ

Pergunta 01

O que é fibromialgia?

A fibromialgia é uma síndrome clínica que se manifesta, principalmente, pela dor no corpo todo, em especial na musculatura. Com a dor, outros sintomas podem aparecer, como fadiga, sono não reparador (o paciente acorda cansado), alterações de memória e atenção, ansiedade, distúrbios de humor, depressão e alterações intestinais.1

Consulte um especialista para mais informações.

Pergunta 02

Exercícios físicos melhoram a dor relacionada à fibromialgia?

Sim, alguns estudos demonstraram que a prática de exercícios físicos pode contribuir para redução da dor e melhora na qualidade de vida do paciente com fibromialgia.1

Consulte um especialista para mais informações.

Pergunta 03

Qual o melhor exercício físico para minimizar a dor relacionada à fibromialgia?

O fortalecimento aeróbico/muscular supervisionado, combinado com exercícios de alongamento, reduz a dor e a gravidade da fibromialgia.1

Consulte um especialista para mais informações.

 

Referências:

  1. Kolak E, Ardıç F, Fındıkoğlu G. Effects of different types of exercises on pain, quality of life, depression, and body composition in women with fibromyalgia: A three-arm, parallel-group, randomized trial. Arch Rheumatol. 2022 May 7;37(3):444-455. doi: 10.46497/ArchRheumatol.2022.9190. PMID: 36589612; PMCID: PMC9791552. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC9791552/. Acesso em: 15 fev. 2023.

NON-2023-2405
NON-2023-2511